• Acessibilidade
  • +
  • -
  • Youtube OABRN
  • Facebook OABRN
  • Instagram OABRN
  • Twitter OABRN
Cursos e Palestras
Crownder
Sistema de Gestão completo para escritórios de advocacia

13 de maio, 2019 Aplicativo facilita contato da população com órgãos do Poder Judiciário

Por: Marcos Alexandre

Advogados e jurisdicionados potiguares contam com um novo aliado para facilitar o contato com o Poder Judiciário: o aplicativo Comunicação Pública. A ferramenta reúne em um único ambiente virtual canais de consulta com diversas instituições, promovendo facilidade de acesso, atendimento desburocratizado e transparência pública. No Rio Grande do Norte, o Comunicação Pública tem convênio e disponibiliza informações de 11 das 15 varas da Justiça Federal no Estado, além dos canais da turma recursal, plantão judiciário e centro de inteligência. São, ao todo, 14 unidades no Rio Grande do Norte integradas ao aplicativo.

Espécie de rede social voltada para o serviço público, o app possibilita aos advogados agilidade nas consultas processuais que tramitem em unidades judiciais agregadas à plataforma. O sistema é fácil de ser acessado (semelhante a aplicativos de conversas já populares) e também permite o contato direto com representantes dos órgãos (magistrados e servidores), que fornecem respostas às questões apresentadas.

O Comunicação Pública contribui ainda para que as próprias instituições reduzam custos com o chamado atendimento em balcão. Além de economizarem com estruturas físicas e de pessoal, ficam livres de custos relativos à criação de aplicativos próprios, já que podem agregar seus canais de atendimento à plataforma oferecida pelo CP.

A Justiça Federal no Rio Grande do Norte aderiu no início do ano ao aplicativo. Com isso, as 11 varas da JFRN que se incorporaram ao sistema recebem demandas dos advogados e jurisdicionados sobre o andamento de processos judiciais e sobre atos judiciais. A ferramenta permite a realização de solicitações no âmbito de processos em andamento, evitando a necessidade de deslocamento dos jurisdicionados no caso de demandas mais simples. O acesso a magistrados e servidores se torna igualitário, transparente e sem exigir deslocamentos.

Para se tornar um usuário do Comunicação Pública, basta se cadastrar no aplicativo por meio de um e-mail válido, buscar as áreas e os canais de comunicação disponíveis (semelhantes a grupos de conversa) e escolher com qual deles deseja interagir. Não é necessário fornecer número de celular. O app pode ser baixado gratuitamente em aparelhos eletrônicos nos sistemas operacionais iOS (Apple Store) e Android (Play Store) ou, ainda, por este link: http://bit.ly/comunicacaopublicaapp. Os canais disponibilizados no CP sa?o abertos para qualquer pessoa (sem que seja preciso nenhum “convite para o grupo”) e podem reunir nu?mero ilimitado de participantes.

A advogada cearense Marília Matos, diretora da startup responsável pelo CP, conta que a ferramenta surgiu a partir da sua experiência e necessidades profissionais. “Sei das dificuldades da celeridade processual. No dia a dia forense, eu não conseguia, face a barreiras de mobilidade urbana, me fazer presente em todas as instituições e unidades judiciárias nas quais possuía feitos em andamento e onde precisava realizar pedidos de celeridade. Com o processo eletrônico, essas dificuldades foram eliminadas. O atendimento no balcão da vara demanda muito tempo. Já com o aplicativo é mais prático e objetivo”, explica ela.

Marília Matos acrescenta que o app proporciona o contato virtual das pessoas com a unidade judiciária, como se presente estivessem, e assim possam fazer solicitações típicas de balcão, pedidos de celeridade, audiências, inclusões em pautas, conciliações, expedientes, ou seja, tudo aquilo que o processo, mesmo virtual, ainda exige dos advogados. “Ao inve?s de precisarem baixar diversos aplicativos institucionais diferentes e quase sempre na?o interativos, os advogados e cidadãos encontram no aplicativo Comunicação Pública o meio facilitado de diálogo com todas as instituic?o?es pu?blicas em uma u?nica plataforma, que tambe?m oferece a interatividade", ressalta a advogada.

Mais informações sobre o aplicativo estão disponíveis no site www.comunicacaopublica.com.br e nos perfis do CP no Instagram e no Facebook (@comunicacaopublicaapp).


Varas da JFRN integradas ao Comunicação Pública:

Em Natal
1ª vara federal
3ª vara federal
5ª vara federal
6ª vara federal
7ª vara federal
14ª vara federal

No interior
09ª vara federal - Caicó
10ª vara federal - Mossoró
11ª vara Federal - Assu
12ª vara federal - Pau dos Ferros
15ª vara federal - Ceará-Mirim

Também integradas ao app
Turma recursal
Plantão judiciário
Centro de inteligência

VOLTAR