• Acessibilidade
  • +
  • -
  • Youtube OABRN
  • Facebook OABRN
  • Instagram OABRN
  • Twitter OABRN

18 de fevereiro, 2021 OAB/RN entregará Medalha Amaro Cavalcanti a José Aranha Sobrinho

Por: Assessoria de Comunicação

O Conselho Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte aprovou a unanimidade de votos, em Sessão Ordinária nesta quinta-feira (18), a outorga da Medalha Amaro Cavalcanti, a maior honraria da advocacia potiguar, ao professor e advogado José Aranha Sobrinho. A medalha somente é entregue para um único homenageado a cada 03 anos, sempre no último ano de cada gestão.

Autor da proposta, o Conselheiro Estadual Síldilon Maia Thomaz do Nascimento ressaltou a importância do homenageado para a advocacia potiguar. "O professor José Aranha Sobrinho foi o grande responsável pela criação e consolidação do curso de Direito da UFRN de Caicó, fazendo esforços heroicos para garantir a sua instalação do mesmo. Manteve-se firme mesmo quando contávamos com um quadro de apenas 3 professores efetivos, lutando também para a implantação da Prática Jurídica e pela Biblioteca, tendo o curso chegado a ocupar a segunda colocação nacional dentre os cursos que mais aprovaram no Exame de Ordem da OAB", destaca.

Para o presidente da Subseção de Currais Novos, Rafael Diniz o homenageado faz jus a condecoração. "Dr. José Aranha tenha uma importância muito significativa na formação de muitos profissões do Seridó. Tive a honra de ser seu aluno. Ele além da cátedra, me inspirou e contribuiu diretamente para que eu mudasse a minha realidade de vida, através da minha formação. Isso porque, o filho de um simples vigilante pode se forma e através dos estudos melhorar a condição da minha família", comentou.

O presidente da OAB/RN, Aldo Medeiros, destacou a alegria pela indicação do professor José Aranha, ressaltando que o conhece há cerca de duas décadas e que sempre testemunhou a sua luta pela coletividade e pelo bem da advocacia. "É muito merecida a outorga dessa condecoração ao professor Aranha, pois ele sempre buscou contribuir com a evolução do ensino jurídico e com o curso da UFRN, na Região do Seridó", e completou "Esperamos que seja possível fazer a entrega em uma sessão especial, em Caicó, vai depender da situação do quadro de saúde em relação a pandemia", finalizou.

VOLTAR